Welcome to our site

welcome text --- Nam sed nisl justo. Duis ornare nulla at lectus varius sodales quis non eros. Proin sollicitudin tincidunt augue eu pharetra. Nulla nec magna mi, eget volutpat augue. Class aptent taciti sociosqu ad litora torquent per conubia nostra, per inceptos himenaeos. Integer tincidunt iaculis risus, non placerat arcu molestie in.

Viva a ela ou não?

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009


Quem nunca sonhou em fazer absolutamente tudo o que desejasse? Ser ateu ou ter fé, andar nu ou com vestes, ligar o som para incomodar o vizinho ou ficar na sua... Esse é o ideal de uma "Sociedade Alternativa", fazer tudo o que quiser. "Isso é longe de cogitação para pôr em prática", é o que diz os grandes pensadores, que ironizam o ato ideal de uma sociedade qualquer. A base desse tipo de sociedade foi defendida por Raul Seixas por uma música que eu já escutei e gostei muito e é arredondada na seguinte frase: "Faz o que tu queres, há de ser tudo na lei."

No entanto, há uma escassez teórica. Ninguém, até o próprio Raulzito, nunca explicou direito essa tal sociedade. Como seria, como deveria ser, enfim... ocorreu esse erro.Sabe-se, de base plena, que a dupla Raul Seixas e Paulo Coelho foi muito influenciada por Aleister Crowley, um ocultista inglês. Dizem que esse britânico era satânico e que a base da "Sociedade da autonomia" era essa mesma, romper com religião e promover grandes ceitas fechadas dedicadas ao diabo. Papo chato esse, né? :D


Na época do começo da fama de Raul Seixas, isso foi bastante discutido. No governo de Geisel, o cantor foi até torturado por defender essa idéia. Ele contou que tinha levado choque no saco (sim, com essas palavras) e que teve que mentir dizendo que fazia pacto com o diabo e que não sabia de nada sobre essa sociedade que, foi considerada subversiva.

Eu fico imaginando essa tal sociedade. Deve ser muito doido... O povo não segue regras e que tudo o que você faça, estaria na lei. A lei era o que você fazia. É, realmente, isso não daria certo por uma razão simples: o mundo tem que seguir regras para ser "ideal" e mesmo assim, ela não é. Até vejo o motivo de hoje Paulo Coelho ser contra o conceito defendido por ele, no passado. Sabe-se que o "Maluco Beleza" não queria operar algo concreto para a Sociedade Alternativa, por defender a liberdade e isso criaria regras. Ele não queria regras, apenas liberdade pura para fazer o que desse na telha. Seria interessante, muito interessante, mas não algo concretizador que mudasse toda uma sociedade para a perfeição, mas apenas um indivíduo só. Essa transformação individual ocorreu no Raul, que fez dele um homem sonhador e de muita fama por causa do seu estilo único.

Abs. do Toim :)

29 comentários:

Avassaladoras Rio disse...

Querido amigo avassalador... Parece estranho o que vou dizer.. mas mesmo nessa tal sociedade alternativa há uma ordem que surge naturalmente... surge uma liderança, alguem que é seguido e invejado... o humano sente falta de limites, de regras, contornos... At´no caos há uma ordem... pode não ser a que voce está acostumado....mas a ordem esta sempre presente...não importa o nome que voce dê... ela esta lá.

Karina Casola disse...

Existe, existiu essa sociedade.um trecho da música de Chico buarque diz bem isso: "A gente vai contra a corrente até não poder resistir[..]".
Pessoas que mandavam contra o sistema.

Faz o que tu queres,pois é tudo da lei.

O problema é que você paga pra ir "contra a corrente", paga o que vais fazer consigo e três vezes o que fizer com o outro. o thelema é bem chato..rsrs Essa frase é a única lei, e é a mais complicada pq abrange tudo ;)

Gostei do blog Toim! Nem parece ter quinze anos..rs

www.balalaico.blogspot.com

Nebdes disse...

Viva,Viva, Viva a sociedade alternativa (8)

http://6boyslife.blogspot.com/
passa lá

Karina Casola disse...

Existe uma liberdade em metáfora. hoje nós temos várias leis.. como as avassaladoras disseram.. o status Quo das coisas..

AtReViDo disse...

Gostei muito dos seus textos, também sou adolescente e as vezes me sinto na mesma situação que vc, estou te seguindo. o seu blog tá de parabéns.

Cincinato 21 disse...

cara esse texto e bem bolado o seu blog ta de parabens pelo conteudo e disigner
continue assim
gostaria muito de estar fazendo parceria com vcs
http://marolinha.rg3.net/
contato: jocincinato@hotmail.com

Mary Portilla disse...

"a lei era o que você fazia" imagina, só? Ou era muito bom, ou era uma loucura só que não dava certo!
Adorei!

Cyrlene Duarte disse...

Pensamentos de Raul Seixas

"Ninguém morre, as pessoas despertam do sonho da vida."

"Eu não sou louco, é o mundo que não entende minha lucidez."

Cyrlene Duarte disse...

Depois de sua morte, Raul permaneceu entre as paradas de sucesso e até hoje é amado

K∂riиє* Smith. disse...

Depois de Raul a tal sociedade nunca mais foi a mesma. Eu nao gosto de regras, mas se vivo em sociedade tenho que tentar segui-las, embora bata de frente, de lado e de costas com muitas pessoas que nao respeitam a liberdade de expressao e as escolhas do proximo...

Bandeira disse...

se as pessoas fissesse tud oque quisesse esse mundo taria perdido

Gu & Valves disse...

Mto bom blog...


Comentadoo !
Retribua e seja feliz :D
Visite meu blog !.
www.pegando-tudo.blogspot.com
Entre em nosso chat e fale tudo que quizer (ou quase
tudo ). .

francys disse...

Nossa aquedito q se as pessoa fazerem tudo o tem voutade nos estariasmos em um mund melhor esprico porq pq nos vivemos em um mondo de intilutalocoes com isso temos ideias formadas e pre editadas entendi com isso as pessoas nao precissao pensar muito para fazer algo basta fazer o q ja ta pre definodo a certo .
poderia ficar horas escrevendo sobre isso mais nao da ne mas se quizer saber mais sobre minha forma de pensar eseobre minha ideias esta aqui meu blog
http://statusfrancys.blogspot.com/

parabens pelo blog sucesso

João BDR disse...

Curti o estilo do blog!
Quando tiver mais tempo, lerei os posts com calma!
Mas achei bem bacana esse layout!

Dá uma passada lá no meu:
http://cenasdavida.wordpress.com
;)

cynthia dantas disse...

"Que o mel é doce ,é coisa que me nego a afirmar.Mas que parece doce ,eu afirmo plenamente."

cynthia dantas disse...

Música que amo

do raul...



Tente Outra Vez

cidan disse...

Eu curto muito Raul, suas músicas, e modo de pensar, as frases

Cover do Raul disse...

Sou até um Cover do Raul

Nina disse...

acho que se a gente não dar umas escapadas pra 'sociedade alternativa', acabamos virando seres completamentes alienados e massificados. viva ela sim!

T-Rabbit disse...

Ótimo texto!

Eduardo o/ disse...

nem seria tão joinha

sei-la

no começo talvez fosse legal

mas depois

ia cair no caos

e ai meu companheiro, me desculpe a palavra

fudeu

=/

meu blog:

http://oarlecrim.blogspot.com/

Adriana disse...

Toda sociedade tem a sua organização...isso é um fato...o resto é ilusão.

Abraços.

Lenise moreira. disse...

amei o texto, amei os comentários, um viva a sociedade alternativa, e ao Raul, :)

Lenise moreira. disse...

ah, meu blog : http://bigandsmallovers.blogspot.com/

palavras ao vento disse...

como diz a musica...viva a sociedade alternativa...

Cyrlene Duarte disse...

Música preferida...

Controlando minha maluquez

Misturada com minha lucidez.

baobah disse...

ooi.
queria agradecer o comentário :)
se eu pareço sua irmã falando ela deve ser uma pessoa legal! (ooow no, que garota metida!)

gostei bastante do seu blog, vou continuar acompanhando!

beijos ;*

Pobre esponja disse...

Raul Seixas é o cara - esse foi um verdadeiro Marginal da música brasileira.

"Não pare na pista
é muito cedo pra vc se acostumar"

abç
Pobre Esponja

Gabriel Pozzi disse...

Ae Toim!
É raro ver alguém falando com tanta coerência da tal Sociedade Alternativa... ou criam textos chatos que tentam explicar essa sociedade com fórmulas e regras (ora, se a ideia é criar um lugar sem lei, pq criar regras que a expliquem?), ou criam textos chatos para provar a inviabilidade dessa sociedade!
Você a descreveu simples como ela é, ou deveria ser caso existisse!
Adoro a maneira como você escreve as coisas, cara!
um abraço!

Ps: Choque no saco? Tenso!

http://songsweetsong.blogspot.com/

Postar um comentário